quinta-feira, 26 de julho de 2018

Instalando o OS/2 Warp

Pessoal,

Hoje vou instalar o OS/2 Warp da IBM.

O OS/2 foi um sistema desenvolvido pela IBM em parceria com a Microsoft na década de 1980. Em 1990, entretanto, a MS abandonou o projeto para dedicar-se ao Windows.

O OS/2 era considerado melhor tecnicamente, pois conseguia correr nativamente programas do Windows. Além disso, foi o primeiro dos dois a implementar TCP/I, ter 32 bits e máquina Java. Por erros diversos da IBM (marketing e investimento), o OS/2 caiu de joelhos diante do Windows 95. 

O OS/2 suporta o sistema FAT (do DOS e Windows), a Super FAT e o HPFS (desenvolvido pela IBM e Microsoft e que deu origem ao NTFS).

Outro atributo importante do OS/2 está em sua proteção. Um aplicativo não consegue derrubar o sistema todo, pois o acesso à memória é exclusivo e totalmente gerenciado pelo OS/2.

No OS/2, a memória é acessada usando-se um endereço de 32bits, permitindo até 4 GB de endereçamento direto.

O OS/2 é um sistema multitarefa preemptivo, ou seja, capaz de processar diversos programas concomitantemente (ao mesmo tempo). O sistema divide o processador e a RAM da máquina entre os programas de modo que todos fiquem com o suficiente. O OS/2 é um sistema desenhado em 32bits. Assim, ele fica livre do maldito e instável kernel misto 16/32 bits dos Windows 9.x.

As primeiras versões foram lançadas em 1987 e o sistema resistiu até 2001, porém as vendas diretas aos consumidores encerraram-se em 1996.

Vamos lá. Os softwares foram baixados no WinWorld. A instalação começa com o CD de boot. Escolhi uma VM eComStation (a eComStation é uma versão atualizada do OS/2 4.52 comercializada atualmente aqui).










(Aqui o instalador avisa que o espaço é muito pequeno; na
verdade, é porque o HD ainda não foi formatado)




(Tá vendo? Só o CD. Dê um ENTER para opções do HD)

(Outro enter para criar um novo volume)


(Escolha criar um volume que possa ser "Bootável")




















Pronto! Primeiro criamos o volume "C", depois demos o nome e então alocamos o espaço livre. 

Repare que, na última foto, na parte inferior é mostrado disco físico, ou seja, apenas uma partição (A) com o espaço de 20GB. Na parte de cima é mostrado disco lógico, com o nome escolhido, a letra escolhida e tamanho de 20GB e o aviso que é bootável.

O HD já está pronto para a instalação! Aperte F3 para sair e aparecerá a opção de salvar as alterações e sair.




O programa agora pede para que seja inserido o CD de boot e o computador seja reiniciado. Lembre-se apenas que a VM vem configurada para que o boot primário seja pelo HD e não pelo CD. Assim, é preciso ir nas configurações da BIOS da VM e trocar a opção de boot inicial. Ficará assim:


Feito isso (e com o CD de boot colocado), reinicie a VM com F10 (salvar e sair).









(Repare que agora já aparece qual o volume para instalar (C);
Escolha "Aceitar" e vamos em frente)


(Escolhi a opção 1)

(Como coloquei um HD de 20GB, apenas o HPFS está
disponível - FAT é para tamanhos menores que 4GB)






(Pronto, agora é configurar!)















(Clique em ok e vamos ver o que vai acontecer!)


(Instalando a rede)


(Mais instalações...)



Bom, instalado! Como é meu primeiro contato com o OS/2, vou dar uma olhada. Assim que tiver algo interessante, coloco no blog.

Até mais, pessoal!

domingo, 22 de julho de 2018

Nostalgia (10): Instalando o Windows XP

Pessoal,

Bom dia!

!שבת שלום, חברים

Hoje vamos à última parte desta série: instalar o Windows XP.

O Windows XP foi lançado em 2001 em substituição ao Windows ME e Windows 2000 simultaneamente e o nome XP vem de "eXPerience". Foi uma das versões mais utilizadas e  mais importantes do Windows. Foi substituído em 2006/2007 pelo Windows Vista (😖), sendo seu suporte encerrado em 2014. Diversas versões foram criadas e foram lançados versões para as arquiteturas 32 e 64 bits. Assim, a família 9.x (que rodava baseada em DOS e tinha o kernel misto 16/32 bits) foi definitivamente encerrada!

Este Windows foi o sucessor do Windows 2000 (NT 5.0) e deu continuidade a arquitetura NT, sendo projetado para usuários domésticos e profissionais. Uma detalhe importante é que ele veio programado para permitir a utilização dos antigos programas para DOS e versões anteriores do Windows.

Assim, a família Windows pode ser dividida, grosseiramente, em 4 grupos:

 - Windows 1.x, 2.x e 3.x - basicamente DOS com interface gráfica ao utilizador (GUI). Existiu entre 1985 e 1994.

 - Windows 9.x - abrange os W95, W98 e Windows ME, cujo kernel era híbrido 16/32 bits. A dependência do DOS fui substancialmente reduzida. Algumas versões, como ME e NT, apesar de terem sido lançadas em 2000, compartilham apenas a interface gráfica semelhante, porém o código é completamente diferente. Versões foram lançadas entre 1995 e 2000.

 - Windows NT - a primeira versão foi o Windows NT 3.1 (1993) e foi lançada para workstations e servidores. Progressivamente substituíram o Windows 9.x. NT significa "New Technology" e é devido ao código ser totalmente de 32 bits, diferenciando-se do 9.x. A família NT existe até hoje (NT 3.1 em 1993; NT 3.5 em 1994; NT 4 em 1996; NT 5 = W2000 em 2000; NT 5.1 = XP em 2001; NT 5.2 = Server 2003 e XP 64bits em 2003; NT 6.0 = Vista em 2006; NT 6.1 = Windows 7 em 2009; NT 6.2 = 8 em 2012; NT 6.3 = 8.1 em 2013; NT 10 = Windows 10 em 2015).

Apesar da estabilidade do Windows XP, houve muitos problemas de segurança que foram bem resolvidas  pelos Services Packs (SP1, SP2 e SP3).

Para ter uma ideia do sucesso desta versão, em meados de 2010 o Windows XP ainda era o sistema operacional mais utilizado no mundo com 62,43% de market share (chegou a 85% em Dezembro de 2006) quando o Windows Vista já estava sendo substituído pelo W7! Somente em 2011 é que o Windows 7 tornou-se o SO mais utilizado substituindo o XP! No final de 2014 ainda era o terceiro SO mais utilizado (perdendo para o W7 e W8) e em 2016 ainda era o terceiro mais utilizado (perdendo para o W7 e W10). Ainda hoje, em 2018, 17 anos após seu lançamento e 4 anos após a interrupção do suporte, ainda é o quinto sistema mais utilizado (perdendo para W7, W10, MacOSX 10.13 e W8.1)! Realmente impressionante!

Vamos à instalação!

No VMWare escolhi a máquina "Windows XP Professional" (32bits). Coloque o CD e é só seguir as orientações (em tempo: a imagem do XP não tem no WinWorld; tive que procurar um pouco mais na internet).


(Resolvi ir direto no "Enter"; o Windows já vai formatar, particionar e instalar)



(Em poucos segundos, já está fazendo tudo sozinho!)

(Já começa assim! Que saudade!)


(Tudo automático, sem nenhum trabalho como nas versões
mais antigas do Windows 😕)


(Como uso teclado americano, a opção correta é essa)





(Nenhuma graça, tudo muito simples. Nenhuma dificuldade 😔.
Nenhum desafio. Chato...)









Bom, já está tudo instalado. Agora são os ajustes finais (rede e configurações de tela apenas).

No VMWare, instale o "VMWare Tools" como um CD.



Depois de instalar o VMWare Tools, você poderá ajustar a tela para aumentar a resolução. Depois, é instalar o Internet Explorer, configurá-lo e ver se a internet está ok.









Eis que aparece isso:  :(

(A internet não está funcionando...)

Assim, vá em Iniciar --> Painel de Controle --> Conexões de Rede e Internet --> Firewall do Windows --> Avançado --> Conexão Local --> Configurações --> Marque todas as opções.


Você deverá encontrar isso:


(Windows XP funcionando ok!)

A série sobre Windows mais antigos termina aqui.

Vou tentar instalar a VM de alguns outros SO interessantes, como o OS/2 Warp e mais algum outro.

Por hoje é isso, pessoal!